Sobre o Jirau

Equipe

Publicações

Oi, somos o jirau.
Acreditamos que todo projeto é uma oportunidade de fazer diferente. Não importa se é uma pequena habitação popular, um grande edifício de apartamentos ou um plano de requalificação urbana, sempre é tempo de se perguntar: como podemos fazer isso de outro jeito? Uma cidade desenhada para as pessoas aliada a uma arquitetura que conecta é o que nos propulsiona. São as pequenas intervenções que vão construindo, uma a uma, o palco do espetáculo que é a urbe. Consideramos que as decisões de projeto podem, e devem, passar uma mensagem para o mundo e impactar de forma real a vida e as relações das pessoas. Estamos constantemente dispostos a apostar no design e superar expectativas. Fazemos daqui, do interior do estado de Pernambuco, uma arquitetura antenada e conectada com tudo que há de mais contemporâneo mundo afora.
Em 2010 criamos o jirau, um escritório de Arquitetura e Urbanismo que atua nas mais diversas áreas de projeto. Entregando arquitetura de alto nível, possuindo capacidade técnica e estrutural para desenvolver projetos de diferentes escalas de complexidade, desde residências unifamiliares até projetos de Desenho Urbano, buscando proporcionar sempre uma experiência valiosa para os nossos clientes.
Temos grande foco de atuação no mercado imobiliário e tentamos imprimir um traço próprio, característico e contemporâneo a cada projeto. Projetamos com ousadia e inovação, comprometidos na busca da construção de uma cidade mais gentil e comunicativa.
Pablo Patriota

Pablo Patriota

Corresponsável pela Criação, é Diretor de Produção do Jirau, sendo o incumbido pela coordenação e gerenciamento dos colaboradores no dia-a-dia do escritório, ademais de ser o jardineiro que cuida da coleção de suculentas e rosas-do-deserto que a varanda abriga. Pai de Pedro e José, é músico, cantautor e compositor. Em 2010 lançou um disco, intitulado Desarrumado, que você encontra nas plataformas digitais.

Natural de Arcoverde, formou-se pela UFPE em 2006; estagiou na ADM Arquitetos, foi arquiteto-colaborador de Wandenkolk Tinoco; e coordenador de projetos no escritório Santos & Santos. Trabalhou como arquiteto na Prefeitura Municipal de Caruaru entre 2010 e 2011; e, em 2010, forma junto com Bernardo e a antiga sócia, Mariana, o Jirau Arquitetura.

Recebeu menção honrosa no Opera Prima 2007 com o TG – Edifício Quintal; recebeu o 1º prêmio da ABAV 2009, no RJ, com o projeto para a Empetur; e coautor do Hospital Miguel Arraes, ganhador do 1º lugar de Arquitetura Hospitalar, na Premiação IAB/PE 2009.

Bernardo Lopes

Corresponsável pela Criação, é Diretor de Negócios do Jirau, sendo o incumbido pela captação de novos negócios, pelo relacionamento com os clientes e por novas oportunidades de atuação no mercado. Colecionador de carros antigos, trabalha, atualmente, no restauro de seu Alfa Romeo 1750 GTV 69.

Natural de Caruaru, formou-se pela UFPE em 2006, estagiou no SOP – Supervisão de Obras Públicas, com o professor Luiz Lacerda; no escritório do arquiteto Romero Duarte; e no escritório dos arquitetos Geraldo Majella, Enio Laprovitera e Marília Perrusi. Trabalhou como arquiteto na Prefeitura Municipal de Caruaru entre 2007 e 2008; como Diretor de Planejamento Urbano do Município, entre 2008 e 2010; como vice-presidente, entre 2010 e 2012, e como presidente, em 2012, da Empresa de Urbanização e Planejamento de Caruaru – URB; e, desde 2010, é sócio do Jirau Arquitetura e Urbanismo.

Recebeu menção honrosa (2º lugar) no Prêmio Ricardo Gama, oferecido pela ADEMI-PE e Projeto Aprender na Obra / UFPE; autor do escudo do Central Sport Club, utilizado entre 1997 e 2000; e venceu o Concurso Projeto para Marco Rotário, oferecido pelo Rotary Club do Recife Derby, para estudantes, em abril de 2002.
Corresponsável pela Criação, é Diretor de Produção do Jirau, sendo o incumbido pela coordenação e gerenciamento dos colaboradores no dia-a-dia do escritório, ademais de ser o jardineiro que cuida da coleção de suculentas e rosas-do-deserto que a varanda abriga. Pai de Pedro e José, é músico, cantautor e compositor. Em 2010 lançou um disco, intitulado Desarrumado, que você encontra nas plataformas digitais.

Natural de Arcoverde, formou-se pela UFPE em 2006; estagiou na ADM Arquitetos, foi arquiteto-colaborador de Wandenkolk Tinoco; e coordenador de projetos no escritório Santos & Santos. Trabalhou como arquiteto na Prefeitura Municipal de Caruaru entre 2010 e 2011; e, em 2010, forma junto com Bernardo e a antiga sócia, Mariana, o Jirau Arquitetura.

Recebeu menção honrosa no Opera Prima 2007 com o TG – Edifício Quintal; recebeu o 1º prêmio da ABAV 2009, no RJ, com o projeto para a Empetur; e coautor do Hospital Miguel Arraes, ganhador do 1º lugar de Arquitetura Hospitalar, na Premiação IAB/PE 2009.

curiosidades:

- Cultivamos Cebolinhas, Manjericão dentre outras ervas;

- Toda sexta-feira furamos o tradicional almoço em equipe;

- Vira e mexe qualquer conversa acaba em palavras de baixo escalão;

- Tínhamos um mascote e seu nome era Picasso;

- Fazemos sempre duas garrafas de café com e sem açúcar;

- Todo novo integrante da equipe é intimado a trazer um lanche para todo o escritório;

- Temos um painel de escala Pantone que nunca foi utilizado;

- Temos uma bela varanda lotada de suculentas;

- Casa de ferreiro espeto de pau;

- Coleção de cadeiras bem variadas;

- Adoramos piadas infames;

- Temos uma carranca na fachada que não sabemos se é uma carranca;

- Temos a maior coleção de rosas do deserto de Caruaru e quiçá de suculentas;

- Seu Jirau não existe;

- O jirau não A Jirau;

- É proibido pronunciar a palavra “TOP”;

- Projetamos casa com cara de casa;

- Somos bons em projetar e péssimos em nomeá-los;

- Temos uma escada singular.

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book. It has survived not only five centuries, but also the leap into electronic typesetting, remaining essentially unchanged. It was popularised in the 1960s with the release of Letraset sheets containing Lorem Ipsum passages, and more recently with desktop publishing software like Aldus PageMaker including versions of Lorem Ipsum.
links: